Tags

Por Thais Varela|Imagens: Getty Images

A CH preparou um ABC dos modelos que você precisa conhecer! E ainda tem algumas dicas tops sobre cada um deles. Vem ver 😉

decote

Tomara que caia: esse modelo é a cara do verão, né? Ele é uma ótima opção para valorizar o colo e os seios. Além de dar a impressão de alongar a silhueta.

Quadrado: é mais discreto e, por isso, uma boa escolha para aquela ocasião em que não rola ousar muito no look. Ele tem o formato reto e alças que podem ser finas ou grossas. Esse decote é sob medida para quem tem seios grandes e quer dar uma disfarçada. #truque

V: ele virou o queridinho das celebridades nos red carpets. Não é à toa, afinal, deixa o visual superfeminino. É curinga e cai bem em quem tem seios grandes ou pequenos. O recorte também dá a impressão de alongar a silhueta – atenção baixinhas! Só fique atenta à profundidade do decote. Escolha uma versão que te deixe confortável.

Coração: tem um recorte que lembra o formato de… coração! É uma boa opção para deixar o look girlie e fica lindo para montar um visual mais romântico.

Joia: é um decote mais fechado e combina com todos os tamanhos de seio. Deixa o look elegante e fica lindo em um vestido de festa.

Keyhole: já ouviu falar nele? Esse tipo de decote está aparecendo muito nos red carpets. A fenda geométrica lembra buracos de fechadura, daí o nome.

Ombro a ombro: também conhecido como cigano, ele deixa os ombros à mostra. É superversátil e fica lindo em vestidos e camisetas. Se você tem ombros estreitos e quadril largo, eis um ótimo modelo para equilibrar as proporções.

Frente única: ele deixa as costas à mostra e é mais discreto na parte da frente. É um decote sexy e fica incrível com vestidos longos, saias mais compridas ou calças de alfaiataria.

U: ele é mais profundo, porém, por não ser tão aberto, fica discreto. É uma boa opção para quem tem busto pequeno e quer aumentá-lo.

Tartaruga: ele possui uma gola alta no pescoço, mas não acompanha mangas. Funciona súper em vestidos de comprimento mídi ou em blusas justinhas.

Canoa: ele chama atenção dos ombros e valoriza o pescoço. Deixa a produção feminina e é bem discreto.

Assimétrico: possui recortes diferentes na alça. É um modelo moderno e, em geral, mantém braços e ombros à mostra. Um boa pedida ao usar esse tipo de decote é evitar os colares. Assim, você deixa toda a atenção voltada para a roupa.

Nas costas: ele é ótimo para turbinar qualquer look! Pode ser abertão, em V, quadrado…

Nadador: esse modelo tem uma inspiração esportiva que está muito em alta. Pode aparecer tanto na frente da peça quanto nas costas.

Gola alta: fechado, possui uma gola no pescoço. É muito usado no inverno por acompanhar mangas compridas. Ele é uma boa escolha para quem tem seios pequenos e quer dar aquela aumentadinha.

Fonte:http://capricho.abril.com.br

Anúncios